Repetidora

Repetidora

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Aprovados nos Exames em Rio Pomba - 26/01/2013


ADAILTON ROMAN DE CARVALHO Classe A
ALEXANDRE CAETANO DE OLIVEIRA Classe C
ANDERSON MEDEIROS LOPES          Classe A
ANDRE LUIZ BRESSAN                          Classe A
BRUNO LAUD SERRANO DOS REIS Classe C
DIRCEU LOPES PEREIRA                  Classe B
EDSON XAVIER DE PAULA JUNIOR Classe C
EULER LUISIO DUMBA               Classe B
FAUSTINO EDUARDO FERRAZ                 Classe C
FELIPE BELLI FONSECA                       Classe C
GLAYSON PEREIRA DA FONSECA Classe C
HUGO ELEUTERIO DA SILVA          Classe B
ILVO AUGUSTO DOS SANTOS PASSOS   Classe C
JOSE LUIZ MACHADO                               Classe C
LEONARDO FRANCISCO E. MACHADO Classe C
MARCELO FERNANDO CAZETA         Classe A
MARCO ANTONIO MUNIZ                  Classe A
MARCOS VENICIUS DE O. DAIBERT Classe C
PAULO CEZAR FERREIRA                  Classe C
PAULO MARCOS RODRIGUES FERREIRA Classe C
PEDRO CARLOS DA CRUZ SILVA Classe B
RICARDO RODRIGUES DOS SANTOS Classe C
RUY BATISTA SANTIAGO NETO Classe A
VICENTE DE PAULA MOREIRA          Classe A
WESLEY JOSE LOURES BASTOS Classe C
WILLIAM RODRIGUES                 Classe C

O Grupo de Radio Amadores Campo das Vertentes parabeniza aos organizadores pelo evento, e os aprovados.


quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Período chuvoso traz risco de acidentes com raios em todo o Estado - MG




A alta incidência de descargas atmosféricas durante as pancadas de verão tem provocado muitos acidentes no Estado.
Dessa forma, a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) alerta os clientes sobre o risco à segurança da população e acidentes com aparelhos elétricos durante fortes tempestades. Minas Gerais é um dos estados que mais registram a ocorrência de raios por ano.Atualmente, Minas tem média anual de 1,1 milhão de descargas atmosféricas.
Segundo o meteorologista da Cemig, Arthur Chaves, a previsão é que as condições atmosféricas mudem rapidamente, causando chuvas fortes e rápidas, principalmente à tarde. “Os três meses de verão terão características distintas com relação às chuvas. O verão está sendo mais seco e mais quente do que os anteriores, mas com grande incidências de pancadas de chuva, principalmente, no fim da tarde”, afirma.
O engenheiro de tecnologia e normatização da Cemig, Demétrio Venício Aguiar, destaca alguns procedimentos básicos que devem ser adotados durante as tempestades. Segundo o especialista, todos os equipamentos elétricos devem ser desplugados das tomadas, evitando risco de queima ou contra a segurança das pessoas. “Durante as chuvas, o raio pode cair na rede elétrica e pode chegar às residências por meio da fiação, podendo atingir os moradores. Por isso, é muito importante que eles sejam desligados, para não haver risco de choque elétrico para os consumidores”, salienta.
Outro ponto importante é que, durante períodos de rajadas de ventos e descargas atmosféricas as antenas de TV podem se desregular. Se isto acontecer, nunca suba nos telhados para ajustá-las, pelo risco de queda, de choque elétrico e de ser atingido por um raio. Se for preciso falar com alguém por telefone, durante as tempestades, o engenheiro ressalta que a melhor opção é o celular, desde que não plugado na tomada, ou o telefone sem fio, porém nunca sobre lages ou em locais descampados.
No caso de estar na rua, Demétrio recomenda que se evite permanecer por muito tempo em locais descampados, como pastos, campos de futebol, piscina, lagos, praias, árvores isoladas, postes, mastros e locais elevados, pois nesses locais a pessoa pode ser o ponto mais alto e atrair o raio.
Em áreas rurais, não se deve permanecer próximo de tratores e outras máquinas agrícolas, nem mesmo próximo a cercas, pois essas podem conduzir descargas atmosféricas se não estiverem devidamente aterradas e seccionadas. Para ele, o melhor é procurar por locais seguros para se abrigar, como edificações de alvenaria.
Demétrio Venício Aguiar alerta para os danos que as descargas elétricas podem provocar no corpo humano. “O raio provoca queimaduras gravíssimas e pode provocar parada cardiorrespiratória, que pode levar a pessoa à morte”, destaca. Uma das ocorrências mais graves em redes de distribuição é o fio partido, que acontece na maioria das vezes em dias de eventos climáticos de grande vulto, como tempestades ou ventanias.

"Caso alguém se depare com um cabo partido, é imprescindível que se mantenha distância do local, se possível não permitindo que outras pessoas se aproximem, e ligue imediatamente para o Fale com a Cemig, no telefone 116, que funciona 24 horas por dia", indica.

fonte: DEFESA CIVIL - MG    Rodovia Pref. Américo Gianetti, s/n. - Prédio Minas - 10º andar - Bairro Serra Verde, BH - MG - CEP.: 31630-900

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Informativo aulas de CW 2013.


O Grupo de Radioamadores Campo das Vertentes comunica que as aulas de cw para o ano de 2013 serão ministradas pelo nosso amigo e colaborador PY4-PAZ MILTON  nas Segundas Feiras, Quartas Ferias, e Sextas Feiras no QTR das 21:30hs após a Rodada do Pão de Queijo.

AGRADECEMOS  E PARABENIZAMOS AO COLABORADOR  PY4-PAZ  MILTON POR DISPONIBILIZAR O SEU TEMPO PARA OFERECER ESTE CURSO QUE TANTO ENGRANDECE O RADIOAMORISMO.

sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

6º ENCONTRO DE RADIOAMADORES E FAIXA CIDADÃO DE ITAÚNA-MG

09 DE JUNHO DE 2013 
 O GRUPO DE RADIOAMADORES DA CIDADE DE ITAÚNA  CONVIDA A TODOS OS AMIGOS DA FAIXA DO CIDADÃO, OS RADIOAMADORES E ENTUSIASTAS PARA O 6º ENCONTRO DE RADIOAMADORES E FAIXA CIDADÃO DA CIDADE DE  ITAÚNA-MG
A SER REALIZADO NO DIA 09 DE JUNHO DE 2013 NO MESMO LOCAL ONDE ACONTECEU O ENCONTRO DE 2012.
EM BREVE O GRUPO ESTARÁ DIVULGADO MAIORES DETALHES

CONTAMOS COM A PRESENÇA DE TODOS!!!!!

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

Fenômenos da natureza silencia a centenária Maria - Fumaça

Devido as fortes chuvas na Região do Campo das Vertentes, os visitantes e os Sanjoanenses não vão ouvir a Famosa  e Centenária MARIA-FUMAÇA em seu percurso entre São João del Rei e Tiradentes. Devido as cheias do Rio Elvas um trecho do percurso está  interditado por isso a FCA trens turísticos por medida de segurança cancelou toda programação por um  mínimo de 30 dias até a baixa das cheias para refazer os danos causados pela chuva, e voltar com  sua programação normal.

SÃO 12 KM DE PASSEIO POR UMA DIVERSIDADE ECOLÓGICA GRANDIOSA E PAISAGENS QUE AINDA PRESERVAM A ARQUITETURA DO SÉCULO XIX. A ANTIGA ESTRADA DE FERRO OESTE DE MINAS (EFOM), INAUGURADA EM 1881 POR D. PEDRO II, ABRE CAMINHO ENTRE O CERRADO E A MATA ATLÂNTICA PARA LEVAR O TURISTA A UM PASSEIO PELAS SERRAS DO COMPLEXO DA MANTIQUERA. A MARIA- FUMAÇA QUE LIGA SÃO JOÃO DEL REI A TIRADENTES É UMA VERDADEIRA  RARIDADE, UMA DAS POUCAS  LOCOMOTIVAS A VAPOR NO MUNDO QUE AINDA RODAM EM BITOLA DE 76 CM.

http://www.trensturisticos.fcasa.com.br/

INFORMAÇÕES SOBRE O RETORNO DO PASSEIO LIGAR:

(32) 3371 8485

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Lei popular do "DESMATAMENTO ZERO"


Olá, Amigos Radioamadores.

“Antiga mata bonita”. O significado da Terra Indígena Marãiwatsédé, no Mato Grosso, já não faz tanto sentido: quase 90% do território foi desmatado por invasores que se instalaram ali ao longo das últimas décadas.

A boa notícia é que depois de anos de resistência, os índios Xavante finalmente estão prestes a repovoar suas terras: por decisão da Justiça, os fazendeiros que transformaram floresta em pasto e lavouras estão sendo retirados do local.

A luta dos Xavante, porém, não é só deles. Os povos da floresta continuam enfrentando ameaças e pressões de gente que quer transformar nossas “matas bonitas” em destruição. É por isso que o Greenpeace apoia o projeto de lei popular do desmatamento zero.


Mais de 707 mil pessoas já asssinaram, pedindo um Brasil sem devastação. E você, já faz parte dessa corrente? Assine, compartilhe, informe-se. E junte-se a nós.


Um abraço,
Marcio Astrini
Coordenador da Campanha da Amazônia
Greenpeace

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

MPF do Rio recebe de radioamadores projeto para uso do sistema em emergência




 O Ministério Público Federal (MPF) em Nova Friburgo, na região serrana fluminense, recebeu de radioamadoristas um projeto que visa à implantação de uma comunicação emergencial, pela qual a Defesa Civil Municipal poderia, em caso de falta de eletricidade prolongada, se valer de rádio amador para prestar informações à população.

De acordo com nota divulgada nesta sexta-feira (4) pela Procuradoria da República no Rio de Janeiro, a proposta prevê, em caso de calamidades como a ocorrida na região em 2011, a utilização de uma frequência que poderia ser captada por rádios a pilha ou em veículos.

O MPF ressalta na nota que a atividade de radioamadorismo é essencial para a difusão de informações relevantes à população, principalmente no período das chuvas de verão, em que a comunicação por outros meios pode entrar em colapso. Por esse motivo, o órgão considera extremamente grave as interferências indevidas nesse sistema.

Hoje, o MPF em Nova Friburgo instaurou investigação criminal para apurar interferências em frequências destinadas ao uso de radioamadores. A medida foi tomada a partir de notícia crime do juiz eleitoral Leonardo Teles, que denunciou interferências e outras irregularidades cometidas durante as eleições de 2012.


Como a interferência em atividade de telecomunicações é crime federal, o fato foi comunicado ao MPF, que adotou medidas com o objetivo de identificar os responsáveis, inclusive acionando a Polícia Federal. De acordo com o Ministério Público, se a interferência ocorrer durante um período de calamidade o responsável está sujeito a penas até seis anos de prisão.


Fonte:Agência Brasil