Repetidora

Repetidora

quarta-feira, 23 de abril de 2014

CAMPANHA "Um radioamador em cada Grupo de Escoteiro" SEMPRE ALERTA!!!


Seja um Adulto Voluntário

A presença do adulto
Quando o Escotismo começou a se expandir, por volta de 1908, a partir da publicação do livro Escotismo para Rapazes, baseado nas experiências de vida de Baden-Powell, e principalmente nos resultados do acampamento experimental da Ilha de Brownsea (Inglaterra), não se imaginava que fosse tomar a dimensão que tomou logo, por isso não havia um programa onde a participação do adulto fosse necessária.
Era um método concebido para a auto-educação dos jovens; e de um certo modo ainda hoje assim está definido em seu propósito.
Mas logo se fez necessário a presença de adultos para orientar os jovens. Todavia o Movimento continuou a ser um movimento para jovens; não se descartando que os adultos também se beneficiam dele, quer seja através do aprendizado de técnicas e habilidades, quer seja através da diversão e ambiente de camaradagem que acompanham as atividades escoteiras, ou ainda por saber-se útil à sua comunidade.

O Trabalho do adulto voluntário no Grupo Escoteiro

O Grupo Escoteiro, e as Seções Autônomas, são as organizações locais que proporcionam prática do Escotismo para os seus membros. São nestas organizações que a maioria dos adultos voluntários desenvolvem o seu trabalho – os níveis regional e nacional também contam com o trabalho voluntário.
Basicamente há duas espécies de trabalhos a serem desenvolvidos junto a um Grupo/Seção; O técnico, que é o trabalho junto aos jovens, e o de apoio, realizado em funções de administração, finanças, relações públicas e institucionais, etc.
Basicamente há duas áreas de atuação para os adultos em um grupo escoteiro: A técnica, onde aqueles que tem habilidades ou facilidade para atuar como educador de crianças e jovens, colaboram pondo em prática o programa escoteiro; e a administrativa, na qual atual os adultos que apresentam habilidades para administração, comunicações, transportes, finanças, serviços gerais, etc..
Os adultos que atuam na ÁREA TÉCNICA são chamados escotistas (em alguns grupos há a figura do diretor técnico, o qual é um dirigente por não atuar diretamente com os jovens). São as seguintes as funções em que um adulto pode se incorporar a um grupo escoteiro como escotista:

• Chefe de seção (Alcatéia de Lobinhos, Tropa Escoteira, Tropa Sênior e Clã Pioneiro);
• Assistente de chefe de seção;
• Instrutor (auxíliar eventual com conhecimento prático em alguma assunto específico, que contribui, em colaboração com a chefia da seção, para o treinamento, a orientação e avaliação dos jovens).

Os adultos que atuam na ÁREA ADMINISTRATIVA são chamados dirigentes. São as seguintes as funções em que um adulto pode se incorporar a um grupo escoteiro como dirigente:

• Membro da Diretoria (alguns cargos são eletivos para mandatos de dois anos, outros são criados pela própria diretoria e os seus membros nomeados por ela);
• Membros da Comissão Fiscal (cargos eletivos para mandatos de dois anos);
• Membros de Comitês e comissões de trabalho ou assuntos (transportes, comunicações, captação de recursos financeiros, etc);
• Assessores para os mais diversos assuntos.

Nos casos dos cargos eletivos exige-se que o membro seja sócio do Grupo antes de concorrer ao cargo, nos demais casos uma entrevista com o responsável por recursos adultos do grupo ou toda a diretoria do grupo é quem definirá a situação do candidato a voluntário.

O que fazer para ingressar como um Adulto Voluntário no Grupo

Entre em contato com o grupo da sua cidade

Não há lista de espera para Adultos Voluntários.

Como ser Patrulheiro BP?
A Patrulha Baden Powell cadastra seus participantes que, voluntariamente, concordam em ajudar os Movimentos Escoteiro e Bandeirante, através das ondas de rádio de sua estação de radioamador.

4 PASSOS PARA SE TORNAR PATRULHEIRO BP:

Participar da Rodada da Patrulha BP, em HF ou Echolink, registrando os dados do contato com o comandante;
Enviar seu cartão QSL para o manager da Patrulha BP, no endereço abaixo, confirmando contato.
Preencher seu cadastro no site, link abaixo nesta página. Deixe o numeral em branco;
Fazer sua Promessa de Patrulheiro na rodada, em data combinada com o comandante.
Depois de fazer a sua Promessa de Patrulheiro, você receberá o seu Numeral de Patrulheiro e passará a fazer parte, “oficialmente”, da Patrulha de Radioamadores que contribuem para as atividades e a divulgação dos movimentos Escoteiro e Bandeirante. Em seguida, você receberá o seu Diploma de Patrulheiro, enviado pelo Manager da Patrulha.
Importante: se você é radioamador e quer participar, CADASTRE-SE clicando aqui.
Uma vez cadastrado, envie seu Cartão QSL, com os dados do contato, para:

PATRULHA BADEN POWELL – QSL Caixa Postal 4 João Pessoa – PB 58010-970

Depois disso, será convidado a fazer a sua PROMESSA DE PATRULHEIRO durante uma Rodada da Patrulha. Ao final de sua Promessa Voluntária, receberá o numeral, que passará a usar em nossas atividades.

Como é essa promessa?

“PROMETO FAZER O MELHOR POSSÍVEL PARA, COMO MEMBRO DA PATRULHA BADEN POWELL DA RODADA SEMPRE ALERTA PARA SERVIR, PROMOVER O RADIOESCOTISMO E AJUDAR OS MOVIMENTOS ESCOTEIRO E BANDEIRANTE, ATRAVÉS DAS ONDAS DE RÁDIO DE MINHA ESTAÇÃO.”
Se você quer saber quem é Patrulheiro BP, clique aqui: RELAÇÃO DE PATRULHEIROS.
SEMPRE ALERTA PARA SERVIR!

PP2JP – Guelfo Jorge Poltronieri
Coordenador Nacional da Patrulha BP
 http://www.uebmg.org.br/

  laudineio de almeida de souza
assessor distrital de radioescotismo-ueb mg
     ge inconfidentes 15º/uberaba-mg
     equipe de radioescotismo-ueb mg
fone:(34) 8829-9733 (oi) 9300-0380 (tim)

" um radioamador em cada grupo escoteiro "
    "An amateur scout in each group"
  http://pu4lau.blogspot.com.br/

O GRUPO DE RADIOAMADORES DO CAMPO DAS VERTENTES APOIA A CAMPANHA
                                   "Um radioamador em cada Grupo de Escoteiro"