Repetidora

Repetidora

quarta-feira, 29 de abril de 2015

CONCURSO LABRE-RJ DE VHF 27 e 28 de Junho de 2015




REGULAMENTO CQRJVHF

1A - ORGANIZAÇÃO

A Liga de Amadores Brasileiros de Rádio Emissão – LABRE RJ, tem o prazer e
dever com os radioamadores que gostam de DX e concurso no segmento de
VHF (50/144 MHz).
A LABRE-RJ tem como alvo principal (estatuto) o trabalho de fomento do
radioamadorismo, para todas as classes: A, B e C. Por isso valorizamos o
concurso de VHF e vemos nisto o melhor meio de despertar os radioamadores
para os contestes nacional e internacional. Sem, portanto perder a qualidade,
desempenho e o desafio. Valorizando muito os que estão operando acampados,
com estações portáteis, móveis ou móveis marítimos.

1B - FINALIDADE E OBJETIVOS

1. Realizar contatos bilaterais sem intervenção de repetidores, links VOIP ou
qualquer tipo de reflexão em corpos celestes, entre estações fixas, móveis ou
especiais/eventuais, trocando indicativo + siglas do concurso a reportagem
do sinal RS(t) e a localização através do GRID (6 dígitos alfanuméricos);
2. Estimular a observância dos conceitos de técnica e ética operacionais,
durante um contato bilateral;
3. Preparar novos operadores para realizarem contestes a nível mundial e
divulgar o radioamadorismo as crianças e jovens.
4. Proporcionar em território nacional o contato a longa distância em VHF;
5. Alavancar o trabalho de radioescutas no Brasil (SWL).

1C - PERÍODO DE REALIZAÇÃO

De 27 e 28 de Junho de 2015 (quarto final de semana de Junho).
Início Fim
Dia 27 – Sábado
às 00h00 UTC
(21h00 de Sexta - Brasília)
Dia 28 – Domingo
às 18h00 UTC
(15h00 de Brasília)

Observações
a. O LOG deve ser lançado SEMPRE no horário UTC.

1D - BANDAS, FREQUÊNCIAS E MODOS

Banda Frequências Modos
2 metros (144 MHz) 144.300 a 144.600 FM, SSB, CW, PSK
6 metros (50 MHz) 50,125 a 50.400 FM, SSB, CW, PSK
Observações
a. Todas as estações podem ser trabalhadas nos 4 modos;
b. Pode repetir contatos com outra estação na mesma banda em modos
diferentes. Será somada a pontuação (por modo) + localizador, (sem
repetição por banda) - ver.3C / 3E
Deve-se respeitar as tabelas de alocação de segmentos da IARU Região 2, que
está disponível no site da LABRE-RJ na página do CQRJVHF
(http://www.labre-rj.org.br/cqrjvhf).

2A - CHAMADA

· CQ VHF CONCURSO (fonia)
· CQ VHF TEST (CW/PSK)

2B - PARTICIPANTES

1. Todos os radioamadores detentores de licença de estação tipo 1 ou 2 (fixas),
tipo 6 (móvel) e/ou tipo 9 (especial/eventual);
2. Radioamadores detentores de COER;
3. Radioescutas devidamente prefixados (LABRE / SWARL).

2C – CATEGORIA DE PARTICIPAÇÃO

1. Operador Único - Única banda
Um único operador (só 50 MHz ou só 144 MHz) operando seu indicativo
tipo 1 ou 2 (fixas), tipo 6 (móvel) e/ou tipo 9 (especial/eventual);
2. Operador Único - Multi-banda
Um único operador (50 MHz e 144 MHz) operando seu indicativo tipo 1 ou
2 (fixas), tipo 6 (móvel) e/ou tipo 9 (especial/eventual);
3. Multi-operador (associações, grupos e grêmios)
Vários operadores operando associações, grupos ou grêmios, no modo
multibandas e modos. Um grupo ou associação de radioamadores pode ser
representado por um indicativo no ar de um dos membros e os demais
operarem (seguindo a regras da legislação para cada classe vigente).

Observação
As LABRES podem ativar seu radioescotismo e os grupos escoteiros podem
utilizar seus próprios indicativos ou tendo um radioamador, pode utilizar o
seu próprio indicativo, tipos 1, 6 ou 9 conforme o caso, e trabalhar com
vários grupos escoteiros juntos. Mesmo que no grupo tenham vários
radioamadores, só deverá ser utilizado 1 (um) indicativo e enviar somente 1
(um) LOG.

4. Estações LABREs

É a organizadora estadual, podendo operar com multi-operadores nas duas
bandas. Haverá um ranking das estações LABREs com maior número de
GRIDs trabalhados (ver pontuação 3D).
5. Radioescuta – SWL
Todos os DXistas radioescutas (SWL), devem enviar seu LOG em formato
cabrillo utilizando para isso os softwares N1MM, Ham Radio de Luxe, SD
Contest LOG. Deve conter os indicativos das estação(s) escutada(s) + RS(t)
com data e hora UTC (GMT) – Todos receberão certificados de participação.
3A - RELATÓRIO DE PARTICIPAÇÃO (LOG)
Cada estação participante deverá encaminhar à organização do Concurso um
relatório de participação (LOG) em formato Cabrillo (LOG/CBR) – Não
aceitaremos outros formatos!
Os LOGs devem ser enviados impreterivelmente até 31 de julho de 2015 para o
no site da LABRE-RJ na página: http://www.labre-rj.org.br/cqrjvhf
No seu software de LOG (N1MM), selecione o VHFSPRING, pois se encaixa
no padrão de apuração do concurso (dicas na página do CQRJVHF).
O seu GRID pode ser conferido no site http://no.nonsense.ee/qth/map.html.
Utilizar 6 (seis) códigos alfanuméricos, referente ao local.
Exemplo: Rio de Janeiro-RJ à localizador: GG87jd.
3B - CONTATO
Deverá ser trocado o RS(t)+Grid. - Exemplo: PY1AA 59 GG87jd
Não é necessária a troca de horário entre as estações, necessitando somente a
anotação em seu LOG do horário do contato em UTC, o programa apurador tem
tolerância de 5 minutos entre os registros.
3C - PONTUAÇÃO E APURAÇÃO
Serão somados os pontos e a soma das modalidades por banda e multiplicados
pelo úmero de localizador trabalhados sem repetição por banda, mais o anexo
dos bônus.
A distância entre as estações em quilômetros (Grid) será convertida em ponto.
Ou seja, a distância de PY1AA e PY1WX, pelo localizador consta 33
quilômetros, temos então: 33 pontos.
Teremos também um ranking das estações TOP 10+ALL. São estações que
fecharam a soma de pontos e bônus e multiplicadores, todas as bandas. No TOP
10+ serão usados dados conforme Grid localizador indicados nos LOGs (ver
instrução do software).
3D - BONUS
Contatos entre Pontuação
PY1AA - Estação organizadora 30 pontos
LABREs - Estações das LABREs (PY2AA, PP5AA) 25 pontos
Portáteis ou Móveis (PY1AA/P) ou PY1AA/M 20 pontos
Estados – Contatos entre Estados 15 pontos
Esta pontuação bônus será automaticamente lançada pelo apurador do
conteste!
3E - MULTIPLICADORES
Os multiplicadores serão todos os grids trabalhados por banda, e não por
modalidade. Os seja, se realizou 4 contatos na mesma banda, em modos
diferentes, será válido o primeiro QSOs como multiplicador, isso se não houve
trabalhando um estação daquele mesmo grid, anteriormente.
Exemplo:
PY1AA – GG87jc
PY2AA – GG66rl
Será considerado vencedor a estação que utilizando as regras do concurso e da
legislação vigente da Anatel, realizar os maiores números de pontos + bônus +
multiplicadores por banda.

4A - CLASSIFICAÇÃO E PREMIAÇÃO

· Aos 3 (três) primeiros colocados para a LABREs, (multi-operadores) serão
oferecidos troféus + diploma(s) ao(s) operador(es) da estação oficial LABRE
Estadual.
Havendo o mínimo de 5 participantes na modalidade.
· Aos 3 (três) primeiros colocados em cada modalidade no estado do Rio de
Janeiro, serão oferecidos: 1º lugar – troféu + diploma, 2º lugar - diploma,
3ºlugar – diploma, que será enviada pelo correio aos vencedores.
Havendo o mínimo de 5 participantes na modalidade.
· Aos 3 (três) primeiros colocados em cada modalidade dos demais UF, serão
oferecidos: 1º lugar – troféu + diploma, 2º lugar - diploma, 3ºlugar –
diploma, que será enviada pelo correio aos vencedores.
Havendo o mínimo de 5 participantes na modalidade.
Todos os radioescutas (SWL) serão oferecidos certificados que serão
baixados digitalmente no site da LABRE-RJ
A todos os operadores das estações participantes que remeterem o relatório no
prazo serão outorgados com certificado de participação. Os troféus serão
entregues, preferencialmente, na sede da LABRE-RJ, ou remetidos por via
postal.

5A - PREMIAÇÃO

A premiação será realizada em um evento festivo da LABRE-RJ (data e local a
ser confirmado) a todos os participantes e vencedores.

5B - OBSERVAÇÕES GERAIS

1. O não envio do relatório (LOG) será considerado check-logs e não receberá
troféu, diploma ou certificado de participação. Ou o descumprimento de
qualquer um dos itens deste regulamento implicará na desclassificação da
estação participante e seus operadores. É importante o compromisso do
envio do LOG;
2. Contatos feitos com estações que não enviarem relatório padrão, mas que
constem em pelo menos 3 relatórios recebidos pela organização, terão os
contatos validados após a checagem e cruzamento de informações; Apenas 1
(um) indicativo deve ser proferido como da sua respectiva estação
competidora durante o concurso;
3. É permitido o uso do cluster, exceto auto-spoting (ver site da LABRE-RJ);
4. O arquivo cabrillo é único e não deve ser alterado. Não escreva ou altere sua
nomenclatura;
5. No Brasil, a maioria das estações utiliza antenas verticais. Se for utilizar
antenas direcionais atente para polarização vertical (ver dicas na pág. do
CQRJVHF);
6. Confira sempre antes o software a ser utilizado. Verifique: data, dia, modo e
o grid localizador são informações importantes para o nosso software
apurador. Dê preferência para o software N1MM, é gratuito e muito
utilizado pelos dxistas do mundo inteiro. Este software está em constante
atualização e não contém bugs. Pode ser baixada através no site da LABRERJ,
área de links úteis;
7. Respeite as limitações legais de sua licença e as regulamentações sobre
radioamadorismo;
8. Prepare a sua estação para o melhor rendimento dxista;
9. Para expedições e acampamentos, recomendamos que seja observada sempre
em primeiro lugar, a segurança dos participantes;
10. Os resultados serão divulgados até 30 (trinta) dias depois da data limite para
envio dos LOGs;
11. Os certificados de todos os participantes, estarão disponíveis na internet para
download e impressão, no site da LABRE-RJ;
12. Estarão no ar várias estações do estado do Rio de Janeiro, excelente
momento para ser conquistado o DIPLOMA do ESTADO DO RIO DE
JANEIRO (ver site da LABRE-RJ);
13. Disponibilizaremos no site da LABRE-RJ, na página CQRJVHF, todas as
instruções necessárias para o uso do LOG, modos digitais, SSB, antenas,
SWL, Grids etc.;
14. Siga sempre o código de conduta para uma boa operação – veja no site
http://dx-code.org/brazil.html
15. Qualquer alteração importante sempre será informada no site oficial da
LABRE-RJ. Veja sempre a versão atualizada.

Caro Radioamadores e Radioescutas A LABRE-RJ está
disponibilizando um concurso de abrangência nacional. O sucesso do
evento depende de você! Prestigie, divulgue e participe!

Paulo Roberto – PY1PM
Presidente da LABRE-RJ - CQRJVHF 2015

fonte:http://www.labre-rj.org.br/

Encontro de Radioamadores de Taubaté

click na imagem p/ ampliar

quarta-feira, 15 de abril de 2015

ARAUCARIA DX CONTEST 2015


1. Período:

Edição de Outono (Hemisfério Sul):

Desde as 00:00 UTC do Sábado 02 de Maio de 2015.
Até as 16:00 UTC do Domingo 03 de Maio de 2015.

Objetivo: Realizar o maior número de contatos e
trabalhar diferentes grids squares dentro do período
de competição. Apenas contatos ponto-a-ponto
serão válidos (excluído uso de links VoIP, EME, satélites). Para estações fora
da América do Sul e Central, os QSOs válidos necessariamente deverão ser
com estações localizadas na América do Sul ou Central.
2. Bandas: 6 metros (50 MHz) e 2 metros (144 MHz) observando os planos
das bandas e subfaixas no respectivo país de operação.

3. Modos: FM, SSB, CW.
4. Categorias:
4.1 Mono Operador, Multibanda;
4.2 Mono Operador, 50 MHz;
4.3 Mono Operador, 144 MHz;
4.4 Multi Operador.

5. QSO: Trocar sinal (RS ou RST) e grid square da estação (os 4 primeiros
dígitos do localizador mundial). Exemplo: “59 GG66” para SSB e “599 GG66”
para CW.
6. Multiplicadores: O número de diferentes grid squares trabalhados por
banda, independente do modo.

7. Pontos:
8.1. Um ponto por diferente estação trabalhada em 6m, independente do modo;
8.2. Dois pontos por diferente estação trabalhada em 2m, independente do
modo;
8.3. A pontuação final é calculada pela a soma de diferentes grids squares
trabalhados em cada banda, vezes a soma das pontuações por banda;
8. Prêmios:
9.1. iplomas para as 3 estações com maior pontuação em cada categoria de
cada país DXCC;
9.2. Placas para o primeiro lugar de cada categoria Brasil;

9.3. Placa para a maior pontuação da América do Sul (exceto Brasil);

9.4. Placas especiais: A expedição brasileira com maior pontuação e ao
radioamador classe C com maior pontuação e outras categorias criadas.

9.5. Para ser elegível a placas o log deverá ter um mínimo de 20 qso´s válidos.

9. Logs: Padrão CQWW VHF Contest disponível em softwares para
concursos (N1MM, DX4WIN, etc). Não serão aceitos relatórios escritos (papel).
Envio por email no formato Cabrillo em até 72 horas após o término do
concurso, exceto expedições que terão até 10 dias de prazo para envio.
Relatórios recebidos após o prazo serão validados mas como check-logs, sem
direito a premiação. E-mail: log@avhfc.com

10. Miscelâneas:
a. Apenas um indicativo deve ser proferido como da sua respectiva estação
competidora durante o concurso;
b. É permitido o uso do DX Cluster, exceto self-sportting;
c. Respeite as limitações legais de sua licença e as regulamentações sobre
radioamadorismo de seu país;
d. Contatos feitos com estações que não enviarem relatório padrão, mas que
constem em pelo menos 3 relatórios recebidos pela organização, terão os
contatos validados após a checagem e cruzamento de informações;
e. Optimize sua estação para o melhor rendimento DXista;
f. Para expedições recomendamos que seja observado em primeiro lugar o
fator SEGURANÇA dos participantes;
g. Os resultados serão divulgados até 90 dias depois da data-limite para envio
dos logs;
h. A entrega dos troféus será no Encontro anual do Grupo Araucária de DX;
i. Os diplomas estarão disponíveis na download e impressão na internet.
j. Será declarado campeão brasileiro do VHF o radioamador ou grupo referente
a estação que fizer a maior pontuação.
k. Inconsistências no log e não cumprimento das regras levará à
desclassificação da estação.
l. Site do AVHFC: http://www.avhfc.com

fonte: http://www.labre-rj.org.br/

terça-feira, 14 de abril de 2015

III Simpósio de Ação Conjunta Radioamadores e Defesa Civil - Vitória-ES

fonte:RENER Rede de Radioamadores

domingo, 12 de abril de 2015

Radioamadorismo é agraciado com mais um Repetidor nas Minas Gerais.

Foi com grande satisfação que no último sábado 11/04/2015 Radioamadores de várias cidades participaram da montagem da mais nova Repetidora de VHF 2 metros a PY4RCM frequencia de 147.390 Mhz da cidade de Minduri-MG,situada na Chapada dos Perdizes ao meio de uma natureza exuberante com altitude de 1.600 M é um repetidor que vai fazer a junção dos estados de MG, RJ, SP encurtando assim  as distancias.




Nosso amigo braço direto Olimpinho
Alto da torre Vicente PU4-PGV  DAVI  PY4-YBK

Donato PU4-DSN
Da esquerda p/ direta  Claúdio PU4-CAR  Donato PU4-DSN  Tomé PU4-VCD  Pedro Ivam PY4-PIA
Tomé PU4-VCD ao fundo Diego PY4-FE

Adicionar legenda

Da esquerda p/ direita Edgard  PU4-ERF  Donato PU4-DSN Tomé PU4-VCD  Pedro Ivam PY4-PIA



O Grupo de radioamadores do Campo  das Vertentes parabeniza a todos os envolvidos  e mantenedores  por mais esta conquista para o radioamadorismo.









segunda-feira, 6 de abril de 2015

Site da Anatel de cara nova

click no logotipo para acessar o link radioamador
fonte:Py4-AVS Ándre